Últimas Notícias

Parceria viabiliza mais de R$ 2 milhões para microempreendedores de Gurupi

Na manhã desta quarta-feira, 30, a prefeita de Gurupi, Josi Nunes, reuniu-se com representantes do Programa de Microcrédito Amazônia Florescer do Banco da Amazônia para discutir sobre a atuação da Instituição junto aos microempreendedores assistidos pelo município.

Conforme o gerente do programa, Edson Souza, a reunião foi para consolidar a parceria e apresentar os números positivos, pois neste primeiro semestre mais R$ 2 milhões foram aplicados e mais de 780 empreendedores formais e informais atendidos só em Gurupi “Estamos aqui hoje para traçar estratégias para o próximo semestre, novas ações para tentar atingir cada vez mais empreendedores. Nesse momento de pandemia é muito importante os empreendedores contarem com um crédito facilitado”, destacou.

A auxiliar de microfinanças da Amazônia Florescer, Janaina Fernandes, explicou que nessa parceria do Banco da Amazônia com as Prefeituras para investimentos aos microempreendedores, o crédito varia entre R$ 300 a R$ 21 mil reais. Pode ser beneficiada qualquer pessoa que tenha empreendido, como um vendedor de salgados, manicure ou um dono de loja que fatura até R$ 300 mil ao ano. Todos esses empreendedores estão enquadrados para pegar o empréstimo com taxas de juros mínimas e parcelamento entre 06 e 12 meses.

A pessoa que interessar em contrair o empréstimo, deve procurar a agência, no Centro de Convenções Mauro Cunha, apresentar os documentos pessoais, e ter, no mínimo, seis meses de empreendimento. O primeiro pagamento tem até 45 dias para ser realizado e o restante do empréstimo pode ser quitado entre 6 e 12 meses.

A Diretora de Indústria e Comércio de Gurupi, Daniela Vitorino, destacou que essa parceria é importante para quem está iniciando um negócio. Ela explica que a Prefeitura cedeu um espaço no Centro de Convenções Mauro Cunha para instalação da instituição e também informa às pessoas que procuram a Diretoria de Indústria e Comércio e a Sala do Empreendedor, que caso precisem, podem contar com esse crédito.

O microempreendedor, Leonardo Magalhães, que trabalha no ramo de bebidas, buscou o auxílio financeiro da Instituição de crédito. Ele disse que a oportunidade de pegar o empréstimo com juros bem baixos ajudou bastante na ampliação do empreendimento.

A Prefeita Josi Nunes destacou que a gestão quer ajudar a criar a cultura do empreendedorismo e focar no pequeno empreendedor e para isso a Prefeitura conta com a Sala do Empreendedor, que presta todo auxílio. Comentou que a partir do momento que a pessoa abre o pequeno negócio, muitas vezes, precisa de um crédito para investimento e o Basa faz esse trabalho em parceria com a Prefeitura. “Esse trabalho é fundamental, principalmente, neste período de pandemia em que muitas pessoas procuraram novas alternativas para gerar renda e nada melhor do que empreender”, destacou.  

Amazônia Florescer

A unidade de micro finanças foi instalada em fevereiro de 2021, onde atendeu até o momento 782 microempreendedores formais e informais, liberando até o momento R$ 2.045.000.00 em Gurupi. Neste mês de junho foi batido mais um recorde de aplicação, na ordem de R$ 430.000.00 e mais de 110 microempreendedores atendidos.

O objetivo é chegar a R$ 5 milhões aplicados até o final de 2021, com mais de 2000 microempreendedores atendidos. O gerente da unidade, Edson Rodrigues, considera que a parceria com a prefeitura de Gurupi tem sido de suma importância para poder alcançar estes números. E ressalta que neste momento de pandemia o microcrédito vem dar um fôlego ao microempreendedorismo.

Sobre Iran Franca

Veja Também

Prefeitura de Tocantínia realiza programação festiva em comemoração ao aniversário da cidade

Nesta quinta-feira (07), o município de Tocantínia completou 68 anos de emancipação. Para comemorar este …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *